A Política dentro de casa e pelas telas – Por Rique Peres

Na última sexta-feira (20), quase que de maneira despercebida, o Senado Federal pela primeira vez em 196 anos de história, realizou uma votação remota, votando o Projeto de Decreto Legislativo (PDL) 88,2020, que reconhece o país como estado de calamidade pública por conta da pandemia do novo Coronavirus (Covid-19). Um momento histórico, que em qualquer outro momento normal da vida cotidiana, geraria um enorme debate entre sua legitimidade ou não, criando também um novo marco na forma de fazer política no país.  

Na Paraíba, direto do seu apartamento em Campina Grande, o Senador Veneziano Vital, votou sim pela aprovação do projeto, em suas redes sociais postou um vídeo do momento e escreveu um texto a respeito da importância dessa votação. Como o exemplo dele, a exceção de quatro, todos os demais Senadores e Senadoras fizeram o mesmo, o trabalho de uma casa legislativa feita pela tela de um computador ou celular. 

É certo que com a pandemia ocasionada pelo (Covid-19), todos estão sendo obrigados ao isolamento social, onde o contato pessoal se resumirá aqueles estritamente próximos, sendo assim, as redes sociais deixaram de ser apenas uma ferramenta, mas o principal meio para o convívio social nesses dias de quarentena. Seja para uma simples conversa com um amigo, para o atendimento psicológico, para acompanhar as principais notícias ou decidir o futuro da nação. 

Claro que não é nenhuma novidade que as redes sociais se tornaram parte comum da vida de todos, mas nesse momento ela atinge outros níveis. Na política, tornou-se o principal termômetro sobre a opinião dos diversos temas, influenciando cada vez mais as decisões que estão sendo tomadas, mas para nós que somos acostumados a assistir os debates nos plenários das casas, acompanhando mais de perto as discussões e os posicionamentos de cada político, nos perguntamos como esse trabalho poderá ser feito e, principalmente, como poderemos estar mais próximos dos representantes em quem votamos e sabermos das suas opiniões?

Aqueles que já são acostumados com as ferramentas virtuais, largam bem na frente, não sabemos até quando isso pode durar e como a vida irá se adaptar pela tela do telefone, é certo que as ruas serão nossas casas, o plenário as redes sociais e como representantes e a população saberão tomar as melhores decisões que todos precisam, as cenas dos próximos stories.

Rique Peres do Gabinete PB para o Portal Nota Nacional

Mostrar mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar

Opsss...

Olá, foi detectado um bloqueador de anúncios, por favor deixe aparecer os banners e nos ajude a manter o site em funcionamento. Toda renda dos anúncios são convertidos em conteúdo para você leitor.