Sikera JR mostra o relato da mãe que está há 10 anos sem abraçar o filho, assassinado pela trans ‘Suzy’

Aparecia dos Santos, mãe do menino Fábio, que foi estuprado e morto pela transexual Suzy Oliveira, relatou em entrevista exclusiva para o Alerta Nacional nesta segunda-feira (9), o drama que passou com a perda do filho há 10 anos.

Conforme noticiado pelo o portal Conexão Política, Rafael Tadeu Oliveira Santos, nome de batismo de ‘Suzy’, ganhou notoriedade nacional após uma reportagem do Fantástico.

O repórter Edie Polo conversou com a mãe do menino.

Ela disse que assistiu a entrevista e ficou chocada ao vê-lo “receber abraços, receber cartinha e ainda um bombomzinho? Na prisão?”.

E questionou:

“Eu recebi o que nesses 10 anos?”.

Emocionada, ela disse que ainda não conseguiu superar a perda do filho.

“Tô me levantando. Porque sei que Deus está comigo”.

Ela disse ainda que está “muito, muito indignada”.

Suzy foi condenada em 2010 por estuprar e matar o menino de 9 anos. Hoje, por meio de uma carta divulgada pela advogada Bruna Castilho, a trans afirma que errou, e que já pagando por tudo o que cometeu.

Veja a reportagem completa:

Mostrar mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar

Opsss...

Olá, foi detectado um bloqueador de anúncios, por favor deixe aparecer os banners e nos ajude a manter o site em funcionamento. Toda renda dos anúncios são convertidos em conteúdo para você leitor.