Categorias
Manchete

Frente de Prefeitos questiona Bolsonaro sobre orientação do governo acerca do isolamento social

A Frente Nacional de Prefeitos enviou um ofício a Jair Bolsonaro em que questiona qual o posicionamento do governo federal a respeito do isolamento social.

O grupo diz que o Ministério da Saúde definiu regras rigorosas para evitar o avanço do novo coronavírus, em 13 e 14 de março, mas passou a afirmar que as medidas restritivas são “precipitadas” após o pronunciamento de Jair Bolsonaro em rede nacional de TV.

“Caso o Governo Federal suspenda a contenção social, o que poderá levar ao colapso do Sistema Único de Saúde (SUS), o Governo Federal assumirá todas as responsabilidades da Atenção Básica, Média e Alta complexidades, incluindo todos os atendimentos? Como estaremos na contramão do que indica e recomenda a OMS, o Governo Federal assumirá as responsabilidades de todo o atendimento à população?”

A Frente de Prefeitos termina o ofício dizendo que poderá entrar na Justiça para que Bolsonaro seja responsabilizado pelas consequências do afrouxamento de medidas restritivas.

“A depender da resposta do Governo Federal ao presente ofício, pois o posicionamento até o momento tem sido dúbio e gerado insegurança na população, não restará outra alternativa aos prefeitos se não recorrer à justiça brasileira com pedido de transferência ao Presidente da República das responsabilidades cíveis e criminais pelas ações locais de saúde e suas consequências.”