Vereador de João Pessoa cobra punição para Ricardo Coutinho pelos crimes de corrupção: “estamos falando de R$ 135 milhões desviados da saúde”

O vereador Carlão (DC) cobrou a punição do ex-governador da Paraíba, Ricardo Coutinho (PSB), por crimes de corrupção. Segundo o parlamentar, a possibilidade dele ser candidato pode desequilibrar as eleições de 2020. Carlão foi o quinto orador na sessão dessa quinta-feira (12), da Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP).

“Fico analisando a facilidade com a qual culpados de crimes como corrupção conseguem se desvencilhar de sua responsabilidade, parecem que não respondem pelos crimes que cometeram. Foram presos, soltos, estão hoje com tornozeleiras eletrônicas e ninguém diz nada. As eleições se aproximam e aquele que cometeu um crime já posto, com mais R$ 135 milhões desviados as saúde, pode se candidatar. Falo de Ricardo Coutinho, a cidade sabe, a Paraíba sabe. Esse homem ficou atrás das grades e hoje pode ser candidato a prefeito. Que exemplo a gente vai dar?”, questionou.

O parlamentar cobrou punição ao ex-governador. “Hoje vemos ele caminhando com sua tornozeleira pelas ruas podendo ser candidato. Está na hora dele ser afastado, dele responder pelos crimes que cometeu, comprovadamente com gravações e tantas outras provas. É óbvio que o devido processo legal tem que ser cumprido, mas todos são contra a impunidade. Estamos falando de R$ 135 milhões da saúde que comprovadamente saíram dos cofres públicos”, enfatizou.

Para Carlão, a possibilidade de Ricardo Coutinho se candidatar pode influenciar as eleições deste ano. “Esse homem pode desequilibrar uma eleição importante para a cidade, e João Pessoa não pode retroceder, quando teve um avanço na gestão de Luciano Cartaxo. Esse avanço tem que continuar. Está na hora da gente saber porque ele (Ricardo Coutinho) não está preso e não está inelegível diante de tantas gravações e provas. Esse dinheiro roubado dos cofres públicos será usado para colocar políticos que dependem de dinheiro de corrupção para serem eleitos”, afirmou.

O vereador destacou a importância do voto na mudança da sociedade. “O sentimento de impunidade não pode imperar sobre as pessoas, caso contrário vai trazer descrédito, desmotivação, vai trazer uma apatia no uso da ferramenta mais importante que o homem e a mulher podem ter para mudar a política da nossa cidade, do nosso Estado: o voto. Essa é a arma mais poderosa que o homem e a mulher de bem podem usar para mudar os rumos da cidade”, concluiu.

Mostrar mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar

Opsss...

Olá, foi detectado um bloqueador de anúncios, por favor deixe aparecer os banners e nos ajude a manter o site em funcionamento. Toda renda dos anúncios são convertidos em conteúdo para você leitor.