Wallber Virgolino e Cabo Gilberto lideram ranking de produção legislativa na ALPB

Os deputados estaduais paraibanos encerraram o ano de trabalho com uma produção que chegou a 9.796 proposituras apresentadas, segundo o Sistema de Apoio ao Processo Legislativo (Sapl) da Assembleia Legislativa (ALPB).

No ranking, os deputados da bancada da bala, Wallber Virgolino (Patriotas) e Cabo Gilberto (PSL) saíram na frente com mais de mil matérias apresentadas, entre projetos de Lei, de Resolução, Indicação, pedidos de sessão espacial, audiências públicas e Requerimentos.

Vale ressaltar que alguns deputados aparecem com a produção baixa, mas por motivos justificados, a exemplo de Hervázio Bezerra (PSB) e João Gonçalves que estão como secretários de Estado.

Também ingressaram na casa alguns suplentes que passaram apenas quatro meses, como Anísio Maia (PT).

como Anísio Maia (PT).

Nota Nacional

Foto: Jornal Correio

“Essa Legislatura, sem sombras de dúvidas, quer produzir, quer trabalhar. Nunca se produziu tanto na Assembleia como nessa Legislatura. São deputados compromissados com a Paraíba e com os paraibanos. Os novos deputados e as novas deputadas chegaram com muita energia e, além de dar a sua contribuição estão contagiando os deputados antigos”, afirmou o presidente da ALPB.

Para o presidente Adriano Galdino, cada deputado tem como principal objetivo produzir para melhorar a qualidade de vida dos paraibanos, tornando a Paraíba melhor e mais justa para todos.

O secretário legislativo, Guilherme Benício de Castro, destaca que, além de contar com a agilidade e o dinamismo da Secretaria Legislativa e das comissões, a atual Legislatura conta com um corpo parlamentar atuante e eficaz na elaboração de matérias. “Essa produção se deve a capacidade de trabalho de todos os deputados, que propõem matérias de forma recorde, e a capacidade da Secretaria Legislativa, junto com as comissões, de receber esses documentos e dar encaminhamento o mais rápido possível”, declarou o secretário.

Mostrar mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar

Opsss...

Olá, foi detectado um bloqueador de anúncios, por favor deixe aparecer os banners e nos ajude a manter o site em funcionamento. Toda renda dos anúncios são convertidos em conteúdo para você leitor.